;
; ;

13/01/2020

Voltar

Com tema Município: palco da vida, Marcha celebra 40 anos da CNM e encerramento de mandato

Arte CNMHá 40 anos, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) luta pela excelência da gestão pública local e a qualidade de vida da população brasileira. Os esforços se fazem ainda mais necessários no último ano de mandato dos prefeitos e vereadores das 5.568 cidades do país, quando os gestores contam com o apoio da entidade e a união do movimento municipalista para apresentarem os resultados e terem reconhecido o trabalho de quatro anos no cargo eletivo.

Na Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios deste ano, a coincidência das datas – 40º aniversário da CNM e encerramento da gestão 2017/2020 – motivou o tema Município: palco da vida. Ao voltar no tempo, passando pelas décadas de 1980, 1990, 2000 e 2010, a entidade propõe um resgate dos princípios e das responsabilidades da gestão municipal para vislumbrar um futuro melhor aos brasileiros, especialmente os que são eleitos, por voto popular, para o comando do Executivo e do Legislativo local.

“No momento em que se discute a regulamentação daquele pacto federativo estabelecido na Constituição de 1988, precisamos que os municipalistas estejam unidos. É na Marcha que recebemos o presidente, ministros, deputados, senadores e representantes do Judiciário e dos órgãos de controle para compartilhar quais são nossas dificuldades e nossas demandas”, resume o presidente da CNM, Glademir Aroldi.

As inscrições para a 23ª edição do evento, que ocorre de 25 a 28 de maio no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), estão abertas. Prefeito ou prefeita de Município contribuinte à CNM está isento e há valores com desconto para participantes dessas cidades e pagamentos até 24 de abril. Para melhor planejamento da viagem e economia nos valores, recomenda-se antecedência na inscrição.

Municipalismo forte
O aniversário de 40 anos da Confederação é no dia 8 de fevereiro, mas, durante a programação do encontro, haverá uma homenagem aos oito ex-presidentes responsáveis pela consolidação da entidade no cenário político nacional. Hoje a CNM, fortalecida pelas entidades estaduais e microrregionais, participa e contribui com as decisões tomadas em âmbito federal que impactam os Municípios. Esse reconhecimento só foi possível com anos de trabalho em conjunto, mostrando o peso da administração municipal na vida do cidadão. A história confirma que, ano a ano, a Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios proporciona mais ganhos financeiros e de autonomia.

Mobilização democrática, realizada desde 1998, tornou-se o maior evento político do Brasil. Em 2019, teve participação recorde: foram mais de 8 mil pessoas. Além de acompanhar as articulações políticas que ocorrerão nesses quatro dias, os participantes poderão tirar dúvidas e obter apoio técnico de equipes qualificadas em diferentes áreas: assistência social, contabilidade, cultura, defesa civil, desenvolvimento rural, educação, finanças, internacional, jurídico, meio ambiente, planejamento territorial, saneamento, saúde, trânsito e turismo. Não terá melhor oportunidade para fechar mais um ciclo de quatro anos. Ou seriam 40?

Por Amanda Maia
Da Agência CNM de Notícias

;

Realização:

© Copyright 2019 Confederação Nacional de Municípios. Todo conteúdo do site pode ser reproduzido, desde que citada a fonte.

;